Rampa Porca de Murça 2017

Pedro Salvador bate recorde e lidera ao intervalo em Murça  

A Rampa Porca de Murça 2017 está ao rubro, com a primeira subida de prova a resultar em mais um recorde batido para Pedro Salvador, que com o Silver Car EF10 registou o excelente tempo de 2:00s966, para liderar a classificação absoluta e na Categoria 1, face à oposição do líder do campeonato, Rui Ramalho, segundo com o Osella PA2000 Evo2. Adivinha-se grande emoção para Domingo, com mais duas subidas de “faca nos dentes” por parte de ambos os pilotos.

Hélder Silva (Juno CN09) registou a terceira melhor marca na frente de Paulo Ramalho em Osella PA21s Evo. Joaquim Rino em BRC CM05 Evo foi o melhor no Grupo CM, sendo de lamentar o acidente de João Fonseca, sem consequências para o piloto covilhanense, mas que deixou o seu BRC em mau estado e forçou a interrupção da prova. Problemas com o BRC CM02, impediram Nuno Guimarães de fazer esta subida de prova.
Mas não é só a luta pela classificação absoluta, que está a prender as atenções na prova organizada pelo CAMI Motorsport, com o apoio da Câmara Municipal de Murça. Conseguindo a quinta posição absoluta, Gonçalo Manahu em Porsche 997 GT3 Cup, foi o mais rápido na Categoria 2 e entre os carros de GT com o tempo de 2:16s953, o que deixa tudo em aberto numa luta a três, que inclui ainda José Correia (Nissan GT-R GT3) e Edgar Reis (Porsche 997 GT3 Cup).

Depois de um problema ao nível da caixa de direcção do Ford Fiesta R5+, que o impediu de subir nos treinos, Manuel Correia registou o melhor tempo na Categoria 4 e nos Turismos, com 2:23s837, suplantando Francisco Marrão (SEAT Leon Supercopa) e Daniel Teixeira (Mazda MX5). Com problemas ao nível da caixa de velocidades do BMW M3, Luis Silva registou apenas a quarta posição nesta última categoria, onde se classificou ainda Simplício Teixeira em Peugeot 306 GTi. Em carro idêntico, Marco Guerra não pode subir devido a problemas mecânicos.

Registando o “crono” de 2:32s411, Pedro Coelho Saraiva foi o mais rápido na Categoria 3, suplantando João Guimarães em Peugeot 206 RC, Sérgio Nogueira em Citroen Saxo Cup e José Oliveira em Subaru Impreza.
Jorge Meira e o Citroen Saxo Cup, registaram o melhor tempo na Categoria 5 ao realizarem 2:39s068, com Luis Delgado em Toyota Carina E a ser o segundo mais rápido. Joaquim Teixeira não fez a subida de prova, depois de um ligeiro toque ter deixado uma das rodas e também a suspensão do Renault Megane Trophy V6 fora de serviço.

Na Taça Nacional TCR/TCS, João Sousa e o SEAT Leon Supercopa terminaram esta subida de prova com o tempo de 2:37s270. Na Taça Nacional de Montanha 1300, o líder é Armando Freitas, com o piloto do Toyota Starlet a obter a marca de 2:2:46s409, Francisco Leite em Fiat Punto é segundo, seguido por António Silva (Toyota Starlet), e ainda Pedro Carvalho e Leonel Brás, ambos em Citroen AX Sport.
Com o Ford Escort MKI recuperado dos problemas nos treinos, José Pedro Gomes fez 2:30s175 e foi o melhor no Campeonato Nacional de Clássicos Montanha, batendo Flávio Saínhas em carro idêntico e Parcídio Summavielle em Datsun 240Z.

No Trofeu Nacional de Clássicos Montanha, onde a emoção é grande, o mais rápido foi Fernando Salgueiro em Ford Escort MKII, que registou o tempo de 2:36s978, na frente de Carlos Oliveira em BMW 323i e de Ricardo Loureiro (Ford Escort MKII). Carlos Fava e Rui Gama, ambos em VW “Carocha” fecham a classificação.

Sozinho na Taça Nacional de Clássicos Montanha 1300, Aníbal Rolo (Datsun 1200 Coupé) fez o tempo de 2:43s088.

Amanhã tem lugar mais uma subida de treinos e as duas decisivas subidas de prova, onde tudo se vai decidir.

Programa/Horário:

30.07.2017 – Domingo
10H30 – Fecho da pista
11H30 – Warm Up
14H00 – 2ª Subida Oficial
15H15 – 3ª Subida Oficial

Texto | RaceSpirit 
Fotos | Foto GTi e Pedro Ferreira

Partilhe este artigo

O TTVerdePT é um portal pessoal, independente e sem fins lucrativos, que disponibiliza espaço para a divulgação gratuita de iniciativas e actividades ligadas ao Todo-Terreno, Desportos Motorizados mais alternativos, e outros eventos públicos de caracter lúdico ou de evasão e desafio, conforme as nossas condições gerais de divulgação.. Rejeitamos a responsabilidade pelas informações e material gráfico disponibilizados por terceiros. Este site não se subordina aos novos acordos ortográficos, aos quais é indiferente, publicando os textos conforme as preferências dos seus autores.

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies, que usamos apenas para fins estatísticos, de forma a podermos melhorar a nossa experiência e a sua utilização.